MÁGICA DE VERDADE

TÍTULO ORIGINAL: REAL MAGIC

DIRETOR: Tim Etchells

Inglaterra | 2016 | 1h40min | Classificação indicativa: 16 anos

Magica de Verdade crédito Hugo Glendinning

19/3 às 20h
20/3 às 20h
21/3 às 20h

LOCAL:  Teatro Sesi SP

GRATUITO

Mágica de Verdade faz referência a um game-show: uma pessoa vendada depara-se com uma questão impossível de ser respondida. Ao som de reincidentes aplausos e risadas pré-gravadas, três intérpretes – Richard Lowdon, Claire Marshall e Jerry Killick – estão no palco nesse jogo de desconexões, recorrências e falta de saída, que questiona o absurdo da condição humana no mundo atual. O espetáculo parte de um contexto de complexas questões políticas, de uma sociedade da pós-verdade, de situações de corrupção e de manipulações da mídia, entre outros fatores, para evidenciar um sistema que gera inércia e repetição.

Liderada pelo artista e escritor Tim Etchells, a Forced Entertainment (FE), sediada em Sheffield, na Inglaterra, é uma das companhias de teatro mais influentes do mundo, há mais de 30 anos circulando em diversos países. Reconhecida pelo caráter coletivo e colaborativo de trabalho, é formada pelos performers Robin Arthur, Claire Marshall, Cathy Naden, Terry O’Connor e Richard Lowdon, núcleo central que, ao longo dos anos, tem sido ampliado pela contribuição de diversos artistas. Com uma abordagem interdisciplinar, as criações reúnem performance, mídias digitais, vídeos e instalações. Em sua trajetória, estão obras como The Coming Storm, The Last Adventures, The Notebook, Out of Order, entre outras. Forced Entertainment foi o vencedor do The International Ibsen Award 2016, considerado o “Prêmio Nobel” do teatro.

Ficha Técnica

Direção: Tim Etchells
Criação e elenco: Jerry Killick, Richard Lowdon e Claire Marshall
Colaboração à criação: Robin Arthur e Cathy Naden
Iluminação: Jim Harrison
Design: Richard Lowdon
Gerência de produção: Jim Harrisona
Assistência ao projeto: Anna Krauss
Técnicos de som: Greg Akenhurst e Doug Currie
Música eletrônica e edição de som: John Avery
Loops: Tim Etchells
‘Grave’, a partir de Telemann Fantasia Number 1 em Be-Flat Major: Aisha Orazbayeva
Produção: Forced Entertainment

Este espetáculo é apoiado pelo British Council
Críticas
2019-03-20T16:31:10-03:00