Ana Luisa Santos e Marcelo Carnevale propõem experiência de convívio a partir das performatividades urbanas

--Ana Luisa Santos e Marcelo Carnevale propõem experiência de convívio a partir das performatividades urbanas

Ana Luisa Santos e Marcelo CarnevalePerformatividades urbanas: experimentando presenças na cidade

Como criar espaços de coexistência com os demais, com a cidade, com as expressões urbanas e com os fundamentalismos que têm surgido? E como relacionar tudo isso com o teatro? Seria o teatro um espaço de sociabilidade diferenciada? Com base na experiência do pesquisador Marcelo Carnevale (Núcleo Diversitas-USP), que realiza workshops sobre coexistência no espaço público, e na da artista Ana Luisa Santos (http://www.anasantosnovo.com/), em suas ações performáticas de mediação e relação com a cidade, a proposta é que, por meio de reflexões e experimentações práticas (derivas, performances), os participantes possam vivenciar novas formas de sociabilidade e entendimentos sobre as interações com as pessoas, os espaços coletivos e o que significa, hoje e agora, nessa nossa realidade brasileira, “teatro”. A atividade convida os participantes a desbravarem juntos o extremo leste da cidade, tomando contato com realidades e perspectivas bastante diversas das do centro. Aos moradores da região, a oficina abre a possibilidade para uma renovação do olhar e da interação com o próprio entorno. Sem seleção, por ordem de inscrição, até as vagas se esgotarem.

Quando: De 05 a 8/3, de segunda a quinta, das 9h às 13h.

Onde: Instituto Pombas Urbanas (Av. dos Metalúrgicos, 2100, Cidade Tiradentes)

Participantes: 20 pessoas + 1 ouvinte-pesquisador

Público-alvo: interessados em geral (artistas, estudantes, professores, aposentados, pesquisadores, líderes comunitários, ativistas, pesquisadores etc.)

Curadora das Ações Pedagógicas: Maria Fernanda Vomero

Resultado da seleção: 5 de março

Compartilhar
2018-03-05T13:36:21+00:00 9 de Fevereiro de 2018|Ações Pedagógicas|